Richard Thaler e a economia comportamental | Rodolfo Responde

Quer investir e não sabe por onde começar? Clique aqui: https://goo.gl/tcCUx6

Seu lance é criptomoedas? Saiba mais sobre essa moeda que pode superar o bitcoin: https://goo.gl/VDaGnA

Já pensou em acordar todos os dias R$ 228 mais rico? Veja como: https://goo.gl/SGE8Rf

_____________

Tudo o que você sempre quis saber e nunca teve coragem de perguntar sobre investimentos, por Beatriz Cutait: https://goo.gl/6wMzgS
_________________________

Bom, talvez você não acredite, mas no começo desta semana, Rodolfo Amstalden apostou com seu pai quem ia ganhar o Nobel e acabou ganhando. Então ele veio aqui falar um pouquinho por que ele gosta tanto do Richard Thaler – um cara que ele e Felipe Miranda admiram aqui na Empiricus. Tem dois livros do Thaler bem famosos, se você quiser conhecer um pouco mais. O primeiro dele é o Nudge – a Luciana Seabra já falou um pouco disso também no último vídeo dela. Ele é o livro mais óbvio, um livro canônico de economia comportamental. O Nudge tem uma parte, que é particularmente bem legal, sobre ancoragem e a gente observa muito no comportamento de um investidor como ocorre uma ancoragem em cima do peso de compra. O peso de compra, ele é importante, OK, até por uma questão de monitoramento, mas ele é menos importante, talvez, do que você possa imaginar. Você decide no dia a dia se você deve carregar ou não um ativo olhando para o ativo a preço de mercado e falando “puts, isso aqui vale a pena? Eu compraria esse ativo ainda a esse preço?” E não tanto baseado na ancoragem do preço de compra da primeira vez que você investiu lá. Então isso é um negócio bem legal que o Richard Thaler estudou e apresentou de maneira original.

O segundo dele é o Misbehaving, logo chega no Brasil em versão traduzida também, que é uma história do Richard Thaler, mas como ele é um cara que concebeu a economia comportamental, é uma história da própria economia comportamental. Que ao contrário do que muita gente diz por aí, já é uma teoria madura, já tem aí alguns anos, já passou por vários testes, já está hoje integrada no mainstream da teoria econômica.

Tem uma historinha que o Thaler contou uma vez que ele conversou, debateu com o Eugene Fama, que é o cara dos Mercados Eficientes, que eu quero contar aqui para vocês. Então se vocês estão olhando aí na tela para esse gráfico, ele é de um fundo fechado que é negociado nos Estados Unidos e o ticker, o código do fundo, é CUBA. Por que é Cuba? Não sabemos. Na verdade esse fundo não investe em nenhum ativo cubano, até porque ele nem poderia, esse fundo inclusive investe em cruzeiros marítimos, investe em alguns ativos mexicanos, não tem nada a ver com Cuba, mas o ticker do fundo fechado é Cuba. Isso é um fato.

Então se você pegar no gráfico, em Dezembro, mais especificamente 18 de Dezembro de 2014, o Obama anunciou que ele iria relaxar uma série de restrições contra Cuba, o país. E olha o que aconteceu com o preço deste fundo, foi lá nas alturas, simplesmente porque ele chama Cuba. Ele não investe em Cuba. Ou seja, ele não seria materialmente beneficiado pelo anúncio do Obama de forma alguma e ele atingiu um pico absurdo, mais que dobrou de preço, depois ele até deu uma voltada, mas isso mudou a história do fundo. Mesmo voltando, ele passou a negociar sistematicamente acima do valor dos seus ativos líquidos. Isso é economia comportamental. Isso é finanças comportamentais. Então as pessoas tomam decisões em cima de parâmetros não necessariamente racionais. Pouca gente se deu ao trabalho de analisar o que estava por dentro do fundo Cuba. Isso mexeu com o preço desse ativo para sempre. Então se a gente quer saber investir, quer saber analisar bem o mercado, a gente precisa incorporar esses componentes comportamentais. São pessoas que investem. Mesmo os robôs que investem são programados por pessoas.

Gostou do vídeo? Curta e compartilhe

* Assine o Canal da Empiricus e acompanhe o nosso conteúdo independente.

http://www.empiricus.com.br

Instagram: http://instagram.com/empiricus
Facebook: http://www.facebook.com/empiricus
Twitter: http://twitter.com/empiricus
LinkedIn: https://www.linkedin.com/company/empiricus_

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Most Popular

Quis autem vel eum iure reprehenderit qui in ea voluptate velit esse quam nihil molestiae consequatur, vel illum qui dolorem?

Temporibus autem quibusdam et aut officiis debitis aut rerum necessitatibus saepe eveniet.

Copyright © 2015 Flex Mag Theme. Theme by MVP Themes, powered by Wordpress.

To Top